Muitas mães se perguntam, como retornar ao trabalho sem deixar de dar leite materno?

A amamentação é parte fundamental do crescimento da criança. Além de todos os nutrientes presentes no leite materno, que previne doenças e aumenta a imunidade do bebê, este momento em que a mãe alimenta seu filho é onde há a troca de amor e sentimento mais forte entre ambas as partes.

Entretanto, se a mãe deseja voltar ao trabalho logo depois da licença maternidade, há sempre a preocupação da quebra deste elo entre mãe e filho e da interrupção da alimentação pelo leite materno, que é recomendado pelo Ministério da Saúde que ele seja exclusivo até o sexto mês de vida do bebê e que siga esta amamentação até os dois anos, complementando com outros tipos de alimentos (papinhas, sopas, etc).

Mas como retornar ao trabalho sem deixar de dar leite materno, conciliar esta rotina de trabalho com o importante fato de que seu filho precisa do leite materno para crescer forte e saudável? Assim, surge a dúvida de muitas mulheres: como eu vou voltar ao trabalho sem deixar de amamentar?

Filho e trabalho: o desenvolvimento da super mãe e mulher

Apesar de ter amparo legal para as mães que desejam amamentar, de acordo com CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), em seu artigo n.º 396, com pausas em dois períodos de 30 minutos por dia, esse período pode não ser o suficiente para amamentar e armazenar o leite para depois, e até mesmo pode se tornar inviável quando a mãe trabalha longe de seu filho.

Algumas empresas inclusive já dispõem de creches para suas funcionárias e tem flexibilidade na hora de deixar as profissionais amamentarem seus filhos. Entretanto, isto é bem raro de se encontrar.

Uma solução para que o bebê continue se alimentando somente com o leite materno até os seis meses de idade ou até mesmo que ele seja um complemento até os dois anos da criança é o armazenamento do leite materno e sobre isso vamos discorrer a seguir.

Mas armazenar o leite é seguro?

De acordo com a Rede Global de Banco de Leite Humano, o leite materno pode  

ser armazenado na geladeira por até 12 horas. No freezer, pode durar até 15 dias. Assim, as mães que desejam retomar suas atividades profissionais, conseguem se planejar para conseguir fazer o melhor para seus filhos.

Para descongelar, o leite deve ser mantido na geladeira ou em água corrente morna. Não se deve deixar em temperatura ambiente e nem esquentá-lo no fogão ou microondas.

Inscreva-se e tenha acesso a descontos exclusivos

* indicates required

Como utilizar as bombinhas de extração?

O mercado de bombinhas elétricas para extração de leite vem crescendo nos últimos anos e têm ajudado às mães na hora de conciliar as rotinas profissional com a da maternidade. Elas são práticas e ajudam a otimizar o tempo na hora da retirada do leite.

A extração do leite é bem simples. Basta colocar a peça de sucção junto ao seio, ligar a máquina e ela faz todo o trabalho de extrair o leite e transferi-lo para o recipiente conectado de forma automática, além de você ter a opção de ajustar a pressão e a velocidade para uma intensidade confortável.

As empresas de bombinhas, por sua vez, têm feito sua parte na hora de oferecer o melhor para as mamães. Marcas como Lansinoh e Medela tem se destacado no mercado na hora da compra ou até mesmo do aluguel destes equipamentos, ganhando a preferência das lactantes.


Compra ou aluguel da máquina?

Hoje, há diversas opções no mercado para que as mamães consigam retornar ao trabalho sem deixar de dar leite materno, escolhendo as que mais se adaptam às suas necessidades. Seja com a compra do próprio equipamento ou com o aluguel do equipamento feito por empresas especializadas, o importante é que o leite materno seja o alimento essencial para o bebê em crescimento.

Além das bombas elétricas, outros materiais são necessários para a conservação e transporte do leite materno, como gelo apropriado, frasqueiras ou sacos para coletar e armazenar, bolsas térmicas, esterilizadores e etc.

Na Baby Central você encontra bombinhas e acessórios. Caso seja melhor, você pode alugar pelo tempo que você precisar!

Leave a comment